Lutadores da história do MMA
Foto: Anderson SIlva está confiante que poderá voltar a lutar em breve.

Anderson Silva voltou a negar que tenha usado esteroides. Flagrado no exame antidoping no final do ano passado pelo uso de testosterona e diurético, o lendário lutador disse mais uma vez que não abusou das substâncias propositalmente e chegou a culpar os suplementos que toma, os quais ele acha que estavam contaminados.

Talvez os suplementos que eu usei estivessem contaminados. Eu não sei. Estou apenas esperando. Obviamente, que se eu usasse esteroides, eu seria estúpido. Eu estou muito velho para fazer isso. Não estou no começo da minha carreira, estou no final. – disse o brasileiro de 42 anos, em entrevista ao canal TMZ, enquanto caminhava pelas ruas de Los Angeles.

Enquanto espera uma resposta da USADA sobre o caso de doping, Anderson Silva ainda sonha com a oportunidade de enfrentar Roy Jones Jr, em uma luta de boxe.

Eu estou esperando a USADA e os meus advogados. Eu espero poder voltar logo. Quero lutar com Roy Jones Jr. É o meu sonho. Espero que se realize. – completou o Spider.

Anderson Silva lutou pela última vez em fevereiro de 2017, quando venceu Derek Brunson na decisão unânime dos jurados. Com um cartel de 34 vitórias e oito derrotas, ele é considerado um dos maiores lutadores da história do MMA.

Torça pelo seu lutador favorito e ganhe bônus!

Anderson Silva nega uso de esteroides e coloca a culpa em suplementos
Votar