Johnson nocauteia Teixeira

Anthony Johnson precisou de apenas 13 segundos para nocautear Glover Teixeira no Co-Main Event do UFC 202, que aconteceu no último final de semana, na T-Mobile Arena, em Las Vegas. Em grande fase no UFC, o “Rumble” apagou o brasileiro com um certeiro gancho de direita logo no comecinho da luta. Desacordado com o golpe do americano, Glover demorou um certo tempo para voltar a si mesmo e parecia não saber direito o que havia acontecido.

A fulminante vitória foi a terceira seguida de Anthony Johnson no UFC. Depois de ser derrotado por Daniel Cormier na luta pelo cinturão dos meio-pesados, Rumble engatou três nocautes seguidos, diante de Jimi Manuwa, Ryan Bader e agora Glover Teixeira. Já o brasileiro, por sua vez, teve a sua sequência de três vitórias interrompidas pelo americano. Em boa fase, Glover vinha de vitórias para cima de OSP, Patrick Cummins e Rashad Evans. A derrota relâmpago acaba com qualquer esperança do brasileiro em disputar o cinturão da categoria.

Johnson, por sua vez, aproveitou mais um nocaute convincente para pedir uma revanche diante do seu compatriota Daniel Cormier, dono do cinturão da categoria, que estava inclusive na plateia prestigiando ao UFC 202 e foi vaiado assim que apareceu no telão.

– Ei, parem de vaiar. Não sei porque vocês estão vaiando um campeão como ele. Respeitem. Eu estou trabalhando duro para conseguir o título. Daniel, você é o cara, mas eu estou indo te pegar. Não vaiem ele. Ele é o homem, é o campeão. – disse Anthony Johnson, mostrando admiração pelo rival.

Foto: Mão pesada: Anthony Johnson apagou Glover Teixeira com um gancho de direita com apenas 13 segundos de luta. (USA Today Sports)

Anthony Johnson apaga Glover Teixeira em apenas 13 segundos
Votar