Diferentemente do main-event – que terminou com a surpreendente vitória de Robbie Lawler sobre o ex-campeão Johnny Hendricks – o co-main event do UFC 181 que aconteceu em Las Vegas, terminou como muita gente apostava. O campeão Anthony Pettis encaixou uma guilhotina no segundo round e finalizou o seu conterrâneo Gilbert Melendez, mantendo então o cinturão dos leves do UFC.

Após mais de um ano afastado do UFC por lesão – sua última luta havia sido em agosto de 2013, vencendo Ben Henderson – Pettis não sentiu a pressão e muito menos a falta de ritmo. Superior desde o início, o campeão finalizou Melendez com uma guilhotina no início do segundo round.
Vitorioso após sua volta ao octógono, o campeão tratou de desabafar e mandar um recado para os adversários.

– Ainda estou aqui e vou ser o dono desse cinturão por muito tempo. Estou cada vez melhor. Nesses 15 meses que fiquei fora, eu treinei muito. Lutar é a minha paixão e vou fazer isto por muito tempo ainda – garantiu Pettis. Ainda na entrevista pós-luta, o campeão tratou de elogiar Gilbert Melendez, que foi o primeiro de uma longa fila daqueles que queriam enfrentar Pettis.

– Gilbert é um grande lutador, mas se assustou quando eu encaixei a guilhotina. Eu sou o campeão e finalizei o desafiante número um em menos de dois rounds – finalizou Anthony Pettis. Mesmo derrotado, Melendez garantiu que fez o seu melhor e retribuiu os elogios de Pettis.

– Pettis é muito rápido, deu pra sentir isto durante a luta. Apesar de estar decepcionado pela derrota, tiro o meu chapéu para ele, que é de uma nova geração de lutadores. Ele é excelente em curta distância e é muito veloz. O resultado foi justo. – admitiu o californiano.
Nas outras lutas de destaque da noite, Robbie Lawler derrotou Johnny Hendricks e se sagrou o novo campeão dos meio-médios. Antes, Travis Browne venceu Brendan Schaub por nocaute técnico.

lutas.fw

O próximo adversário de Pettis pode ser o brasileiro Rafael dos Anjos.

Anthony Pettis encaixa guilhotina, vence Melendez e retém o cinturão dos leves
Votar