A cada dia que passa, cresce a possibilidade do UFC destituir Conor McGregor do cinturão dos leves. Os dirigentes da organização perceberam aquilo que fãs e lutadores já desconfiavam há meses: o irlandês não está pensando em voltar a lutar MMA tão cedo. Sendo assim, a divisão “precisa continuar” como diz Dana White e Conor perderia o cinturão. O próximo passo do UFC deve ser casar uma luta entre Khabib Nurmagomedov e Tony Ferguson, pelo título linear da categoria. E quem confirmou as intenções do Ultimate foi o próprio Dana White, principal aliado de Conor McGregor.

Se McGregor voltar em setembro, serão quase dois anos depois de sua última luta no MMA. Isso não pode acontecer. Não é justo com o resto da divisão. Eu amo o Conor. O respeito e adoro tudo o que ele fez pela empresa e todos sabem muito bem disso, mas o cinturão precisa seguir em frente. Faremos Khabib contra Tony. Estamos trabalhando nisso agora mesmo. Quando Conor quiser voltar, ele será o primeiro a disputar o cinturão. – declarou o chefão do UFC em entrevista ao canal americano Fox Sports.

Dana White aproveitou ainda para enfatizar que deseja que o polêmico irlandês volte o mais breve possível ao UFC, com ou sem o cinturão.

Quero que o Conor volte a treinar e quero que ele volte ao UFC para defender o seu título. Ainda não temos um prazo, mas a gente sempre se acertou. Vocês sabem como ele é. Ele gosta de fazer o que quer, quando quer. Eu sempre respeitei muito este garoto. Ele conquistou muita coisa. Mas se ele não estiver pronto, deixe os outros caras lutarem pelo cinturão e quando ele voltar, ele enfrenta o vencedor. – completou Dana White.

Acompanhe seu esporte preferido e ganhe!

Dana já admite tirar o cinturão de Conor
Votar