Cresceram nas últimas semanas os rumores de que Anderson Silva e Georges Saint-Pierre se enfrentariam em uma super-luta, ainda neste ano. Os boatos se intensificaram ainda mais recentemente quando Kalyl Silva, filho de Anderson, usou o Instagram para postar uma enigmática mensagem, com a foto do pai e de GSP e a seguinte legenda: “O mês de Natal será empolgante”.

A mensagem de Kalyl mexeu com o mundo do MMA e fãs se mostraram incrédulos nos comentários com a possibilidade da super-luta acontecer. Poucos dias depois, no entanto, o presidente do UFC, Dana White, tratou de colocar panos frios no boato, afirmando que a tão esperada luta não acontecerá.

Não é nem um pouco verdade. Muita gente está falando dessa luta, mas o GSP não está nem perto de voltar. Essa luta definitivamente não vai acontecer. Duvido que ele volte algum dia. Isso não é ruim. Ele se aposentou no topo, é visto como um dos maiores de todos os tempos. Eu acho que ele perdeu o sangue nos olhos há muito tempo. Não acho que ele queira isso. Ele não se entusiasmava mais com as lutas nem quando estava em ativa. Por que agora, três anos depois, ele voltaria? Não faz sentido. – disse Dana, logo após a realização do UFC Manchester, que teve como duelo principal a vitória de Michael Bisping sobre Dan Henderson.

Foto: Dana descartou a possibilidade de uma super-luta entre Anderson Silva e Georges Saint-Pierre.

Dana põe panos frios em possível super-luta entre Anderson e GSP
Votar