A interminável novela “Floyd-Conor” ganhou mais um capítulo nesta semana. Depois de Conor McGregor afirmar que havia assinado o seu contrato e que agora restava apenas a assinatura de Floyd Mayweather para oficializar o combate, um novo obstáculo aparece no caminho. Nesta quarta-feira, enquanto prestigiava uma partida de baseball em Nova York, Dana White disse a jornalistas que ainda não apresentou uma proposta financeira sobre a divisão de lucros do duelo, mas afirmou acreditar ser justo que o UFC fique com 50% do valor.

Nós ainda nem chegamos nessa parte. Não discutimos porcentagens ainda. Floyd pode pensar o que ele quiser, mas em se tratando da máquina que é o UFC, eu acho que 50% para cada lado é o mais justo. – declarou Dana.

Eu acho que essa luta venderá, pensando de maneira conservadora, entre 2 e 4 milhões de pay-per-view. É uma luta que vai explodir globalmente. Conor McGregor e o UFC são gigantes no Brasil, na Austrália, em Londres, na maior parte da Europa. – disse Dana, que completou dizendo ainda que vê 75% de chances do duelo acontecer, ainda neste ano.

Foto: Dana White se pronunciou mais uma vez sobre a super-luta entre Conor McGregor e Floyd Mayweather. (Getty Images)

Dana quer que UFC fique com 50% dos lucros da super-luta
Votar