Daniel-Cormier-vence-Anderson-Silva-por-pontos

Anderson Silva até resistiu e mostrou ser guerreiro, mas foi superado por Daniel Cormier, em luta válida pelo Main Card do estrelado UFC 200, em Las Vegas. Vindo dos pesos médios, enfrentando um adversário oriundo do peso-pesado, estava claro desde o início que Anderson teria que ter uma performance épica para destronar Cormier. Bravo, o brasileiro até resistiu bem aos golpes do americano e chegou a dar trabalho ao campeão dos meio-pesados, mas acabou derrotado. Ao final do duelo de três rounds, Cormier foi declarado o ganhador, vencendo por triplo 30-26 na avaliação dos jurados.

Durante o duelo, realizado em Las Vegas, Cormier foi muito vaiado pelo público, por evitar a trocação franca e abusar do wrestling, ponto fraco de Anderson. Já Spider foi ovacionado pelo público ao aceitar o maior desafio de sua carreira com menos de 48 horas de antecedência.

Eu treinei para um lutador específico (Jon Jones) durante oito semanas. Este cara saiu e eu tive que enfrentar o Anderson Silva, simplesmente o maior lutador de todos os tempos. Eu estava muito nervoso no começo, mas fiz o que tive que fazer para vencer. Ele é muito duro e eu lutei para vencer. – declarou Cormier, logo após a luta, sob fortes vaias na T-Mobile Arena, em Las Vegas.

Por outro lado, Anderson não lamentou a derrota e disse ter tratado o duelo com Cormier como uma espécie de desafio pessoal, para se colocar à prova.

Eu encarei um desafio pessoal. Coloquei em prática tudo que aprendi ao longo dos anos. Estou sem treinar há muito tempo. Eu senti essa falta de ritmo, de estar sem treinar, para uma luta como essa. O Daniel é um campeão, vim aqui não para desrespeitá-lo, mas para um desafio pessoal mesmo. – falou o brasileiro, que foi ovacionado de pé por toda a Arena.

Foto: Cormier abusou do wrestling para derrotar Anderson Silva.

Daniel Cormier vence Anderson Silva por pontos
Votar