Após ser finalizado pelo seu compatriota Frankie Edgar, o americano Cub Swanson admitiu que não mereceu vencer, elogiou o adversário e prometeu voltar mais forte. A luta que aconteceu no último sábado em Texas, terminou quando Edgar encaixou um mata-leão em Swanson nos últimos segundos do quinto round.
– É claro que foi uma noite bastante frustrante para mim. Ele fez o que tinha que fazer e expôs minhas fraquezas. Eu estava muito confiante, achava que tinha me preparado o suficiente para vencê-lo, mas evidentemente não foi o caso. Vou melhorar daqui para frente, vi quais são as minhas fraquezas. O Edgar é um dos melhores lutadores do mundo e eu levei uma surra, mesmo estando confiante que poderia vencer. – garantiu Swanson.
A derrota para Edgar interrompeu uma excelente sequência de seis vitórias seguidas de Swanson na organização. Apesar de ter sido dominado por Edgar durante toda a luta, tudo indicava que o combate iria para a decisão dos jurados, quando nos segundos finais da luta Edgar encaixou um mata-leão e conseguiu submeter Swanson, que acabou batendo a 4 segundos do fim. Perguntado o porquê de não ter resistido mesmo faltando poucos segundos para o fim do combate, Swanson revelou temer uma possível fratura na mandíbula.
– Ele acertou muitas cotoveladas na minha mandíbula e ela estava doendo ao fim da luta. Ele acabou encaixando uma chave muito forte na minha mandíbula, e eu já fraturei o local e sei quais são as consequências. Achei melhor desistir a passar por aquilo de novo. – afirmou Swanson.

thumb4

A derrota para Edgar interrompeu uma boa sequência de vitórias de Swanson.

Derrotado, Swanson elogia Edgar: “levei uma surra”
Votar