Diaz-discorda-decisao-dos-juizes-Acho-que-venci-tranquilamente

Nate Diaz não parecia nada conformado com o polêmico resultado de sua revanche com Conor McGregor. O americano enfrentou o irlandês no último final de semana, em Las Vegas, pelo evento principal do UFC 202. Nate, que finalizou McGregor em março deste ano, foi derrotado na decisão majoritária dos jurados na revanche entre os dois lutadores. De forte convicção, o americano deu a sua opinião sincera: acha que venceu a luta, de maneira tranquila até.

Não concordo nem um pouco que perdi a luta. Acho que venci. Venci com tranquilidade. O Conor fugiu a luta toda. Ele correu muito. Deviam ter tirado ponto dele do tanto que correu. É o que acontece no boxe. Não achei que pudesse ter perdido a luta quando acabou. Eles disseram que eu perdi, mas eu discordo. – frisou Diaz, que causou polêmica ao fumar um vaporizador com maconha medicinal na coletiva de imprensa pós-luta.

O americano tratou de falar também que toparia encerrar a trilogia com McGregor, mesmo que isso aconteça no peso-leve, como pedido do irlandês.

– Posso lutar de novo com ele quando eles quiserem. Vocês não me verão mais até que esta terceira luta acontecer. Apesar disso, não acho um bom negócio para o Conor me enfrentar de novo. Se ele quiser essa luta no peso leve, vamos lá, eu estou dentro. – disse Diaz.

Para encerrar, o americano falou também que não deixará de participar da sua já tradicional “after party” depois da luta com o irlandês, apesar do inchaço no rosto.

– Vou passar pelo hospital depois vou para a minha festa. Meu irmão vai estar também. Deixaram ele entrar, por isso que vou. Veja a minha cara. Eu estou bem, muitas pessoas choram quando ficam com o rosto assim. – completou Nate Diaz.

Foto: Diaz acha que venceu revanche com McGregor e diz que aguarda terceiro duelo. (MMA Fighting)

Diaz discorda de decisão dos juízes: “Acho que venci tranquilamente”
Votar