lutadores-ufc

Foto: Dan Henderson nocauteou Tim Boetsch com menos de 30 segundos de luta.

O veterano Dan Henderson, de 44 anos, não precisou de nem 30 segundos para nocautear o compatriota Tim Boetsch, no Main Event do último UFC Fight Night, disputado em Nova Orleans, no estado americano de Louisiana.

Com a vitória, Hendo se recupera de uma sequência negativa de quatro derrotas em cinco lutas e volta a vencer. A última vitória de Dan Henderson havia acontecido em março de 2014, quando nocauteou o brasileiro Maurício Shogun Rua. Lenda do MMA, o veterano Henderson soma agora 31 vitórias em 44 lutas na carreira. Já Timothy Boetsch, de 34 anos, perdeu pela nona vez em 27 lutas. Este foi o terceiro revés de Boetsch em seus últimos cinco combates.

Logo que o juiz anunciou o início do combate, Henderson bem ao seu estilo agressivo, partiu para cima de Boetsch. Seu primeiro golpe, um direto de direita balançou o oponente. Se aproveitando do momento, Hendo partiu para cima e aplicou uma linda joelhada. Grogue, Boetsch já não oferecia muita resistência e Henderson aproveitou para selar a vitória com uma sequência de golpes até a interrupção do árbitro. Fim de luta e 14º nocaute para a conta do lendário californiano.

Após a convincente vitória, Hendo aproveitou para mandar um recado aos críticos e garantiu que não está acabado.
– Quando eu digo que não acabei, as pessoas não acreditam. Mas eu não acabei! Me sinto muito bem lutando. Estou aqui há algum tempo e as pessoas ainda querem me ver. É muito legal isso, o esporte cresceu muito. – afirmou o veterano de 44 anos.

Henderson aproveitou também para falar sobre os golpes que nocautearam Boetsch e revelou também que sentiu uma lesão na mão, mas não entrou em detalhes.
– Ele sentiu o golpe de direita. Depois eu ainda o acertei com a joelhada, mas acho que o uppercut acabou com a luta. Acho que até machuquei minha mão, tenho que ver. – garantiu Henderson.

Henderson arrasa Boetsch em menos de 30 segundos
Votar