Nurmagomedov quer cinturão dos leves

Apontado por muitos como o melhor lutador da categoria dos leves, o russo Khabib Nurmagomedov ainda não teve a oportunidade de disputar o cinturão da divisão. Entre promessas não cumpridas e lesões inoportunas, a chance nunca chegou para o russo. Com a paciência esgotada, o russo – que lutará contra Michael Johnson em Nova York, em novembro – garante que se a sua próxima luta não for pelo cinturão, ele nunca mais lutará no UFC.

– Se a minha próxima luta não for pelo cinturão, eu nunca mais luto no UFC. Nunca mais. Eu mereço isso. Estou invicto. Nunca perdi uma luta em quase nove anos. Todo mundo sabe que eu mereço. O UFC acha que o Conor tem poder? A Irlanda não tem nem 6 milhões de pessoas. Eu sou da Rússia, temos 150 milhões. Se o UFC não me der a oportunidade de lutar pelo título depois da minha próxima luta, eu vou mostrar o poder que tenho na Rússia. Se isso não acontecer, o UFC jamais fará um evento na Rússia. Jamais! – prometeu o lutador russo.

Com 28 anos de idade, Nurmagomedov esbanja um impressionante cartel de 23 vitórias e nenhuma derrota. Sua última luta foi a vitória diante de Darrell Horcher, em abril deste ano, em Tampa, na Flórida. O próximo adversário de Khabib será Michael Johnson, no UFC 205, que acontece no lendário Madison Square Garden, Em Nova York, no dia 12 de novembro.

Foto: Nurmagomedov quer a chance de disputar o cinturão dos leves.