Lawler vence Condit por decisão dividida e mantém o cinturão

Lawler e Condit protagonizaram uma grande batalha em Las Vegas. (Foto: Getty Images)

No primeiro evento do ano, o americano Robbie Lawler venceu o compatriota Carlos Condit por decisão dividida dos jurados, em uma luta muito disputada e manteve o cinturão dos meio-médios do UFC. Em duelo épico diante do Condit, na luta principal do UFC 195, em Las Vegas, Lawler, acabou sagrando-se vencedor em uma luta que foi aplaudida de pé pelo público.

A luta foi dramática e cheia de reviravoltas. Com rounds distintos, no final foi “Ruthless” que acabou levando a melhor, vencendo por 47-48, 48-47 e 48-47, em decisão dividida dos jurados. O anúncio do vencedor não agradou a maioria do público presente na MGM Grand Garden Arena. A plateia vaiou a decisão, indicando que achou que Condit havia vencido a batalha.

Ao final da formidável luta, os dois se abraçaram e pediram aplausos um para o outro, em clara demonstração de respeito pela épica batalha que haviam acabo de protagonizar.
– Carlos é um lutador sensacional, veio com uma excelente estratégia, mas consegui vencer. Temos que fazer isso de novo. Ele é um lutador muito duro, vamos todos parabenizá-lo. Ele foi tudo o que eu esperava. É muito duro, tem muita técnica e está em grande forma. – elogiou o campeão Robbie Lawler, logo após a luta, ainda no octógono.

Por sua vez, Condit acreditava ter feito o suficiente para conquistar o cinturão, mas disse entender a decisão, já que não conseguiu nocautear o campeão.
– Foi parelho, eu sabia que tinha uma chance boa de vencer. Sabia que ele viria para cima com tudo. Eu acho que venci três dos cinco rounds, mas é isso que acontece quando se deixa a decisão nas mãos dos juízes. – se conformou Carlos Condit.

Com mais uma vitória, Robbie Lawler chegou agora a 27 triunfos e 10 derrotas na carreira. Já Carlos Condit foi derrotado pela oitava vez em 38 lutas. É a segunda vez que o americano perde uma disputa de cinturão, a primeira havia sido para o então campeão Georges St-Pierre.

Lawler vence Condit por decisão dividida e mantém o cinturão
Votar