No antecipado duelo de gigantes, válido pelo Co-Main Event do UFC 218, em Detroit, melhor para Francis Ngannou, que venceu o experiente Alistair Overeem com um devastador gancho de esquerda, que apagou o rival, com menos de dois minutos de luta. A espetacular maneira como destruiu um dos maiores nomes da categoria dos pesados credencia Francis Ngannou a se tornar o desafiante número 1 da divisão.

O camaronês venceu pela 11ª vez em 12 lutas na carreira, enquanto o veterano holandês, Alistair Overeem, perdeu pela 16ª vez em incríveis 60 duelos na carreira, como profissional de MMA.

Melhor desde o início da luta, Ngannou logo tomou o centro do octógono e pressionou Overeem contra a grade, aplicando pisões e joelhadas no rival. Separados pelo árbitro, eles voltaram ao centro do octógono e foi aí que Ngannou atacou. O camaronês encaixou um sensacional gancho de esquerda no queixo de Overeem, que já caiu apagado. Ngannou ainda foi para cima e acertou uma marretada no holandês, antes da interrupção do árbitro.

Eu me sinto muito bem. Estou a caminho da disputa do cinturão. Dana disse que seria assim para quem vencesse essa luta. Trabalhamos muito tanto o ataque e a defesa. Estou pronto para enfrentar Stipe Miocic. Quero dedicar essa vitória a todos os meus irmãos que estão na Líbia e ainda são tratados como escravos. É inacreditável que isso ainda aconteça. Espero que todos sejam libertados e possam viver suas vidas em paz. – disse Ngannou depois da maior vitória de sua carreira.

Quanto você sabe do UFC? Mostre e ganhe grandes bônus!

Ngannou apaga Overeem com nocaute devastador
Votar