Em um evento marcado por zebras, o duelo principal do UFC Denver não poderia acabar de maneira diferente. Qurguistanesa, mas naturalizada peruana, Valentina Shevchenko chocou a ampla favorita Juliana Peña, finalizando a americana com uma chave de braço no minuto final do segundo round. Sendo assim, a peruana surge como a ampla favorita para ser a próxima desafiante ao cinturão da categoria, que atualmente pertence à brasileira Amanda Nunes.

Ao final da luta, Amanda Nunes, que estava presente no evento, subiu ao octógono e trocou provocações com a sua (provável) próxima adversária.

Eu sempre disse que sou uma lutadora completa. Muita gente duvidou porque Juliana Peña tem um wrestling forte, mas eu sempre soube que seria assim. Foi incrível. Tenho certeza que a minha próxima luta será contra você (se referindo a Amanda Nunes). – disse Shevchenko.

Amanda, que derrotou a peruana por pontos em março de 2016, garantiu que se enfrentar Peña novamente, partirá para a finalização.

– Pode ter certeza que caso nos enfrentarmos novamente, eu vou finalizar a luta. Eu sei como te vencer e se nos enfrentarmos novamente, eu vencerei de novo, mas não vencerei por pontos. – garantiu a brasileira, detentora do cinturão da categoria.

Shevchenko se empolga com possível duelo com Amanda Nunes (subtítulo)

Valentina Shevchenko está sonhando alto no UFC. No último final de semana, na luta principal do UFC Denver, a peruana finalizou a americana Juliana Peña e agora se vê pronta para uma revanche com Amanda Nunes, campeã da categoria. O primeiro encontro entre as duas aconteceu em março do ano passado e foi vencido por pontos pela brasileira.

Eu estou muito empolgada com essa luta. Será diferente da última vez. Ela me venceu porque eu a dei chances para isso. Na revanche eu estarei muito mais forte e eu vou tirar o cinturão dela. Estou pronto para a luta a qualquer momento. Por mim eu lutaria agora. – disse Shevchenko, na entrevista coletiva pós-luta.

A peruana também tratou de falar sobre a vitória diante de Juliana Peña. A americana era vista pela imprensa especializada como a favorita para o combate.

Me sinto muito bem. Eu estava certa de que venceria. Eu treinei muito. Estava muito motivada. Muito concentrada. Não pensei em nada além dessa luta. Não existia uma outra opção a não ser vencer. Juliana Peña é uma boa lutadora, mas eu sou melhor. – completou, sem muita humildade, a provável próxima desafiante ao trono que hoje pertence a Amanda Nunes.

Foto: Shevchenko venceu Peña na luta principal do UFC Denver.

Shevchenko finaliza Peña e desafia Amanda Nunes
Votar