O antecipado confronto entre os pesos pesado Stipe Miocic e Mark Hunt prometia ser bastante equilibrado. Não foi. O americano massacrou o neozelandês durante quatro rounds e meio, até o árbitro John Sharp finalmente interromper o duelo no último round e decretar a vitória de Miocic, por TKO.

Melhor em pé e também no chão, Miocic foi superior durante todo o combate. Hunt estava entregue desde meados do terceiro round, mas o complacente John Sharp demorou demais para interromper o combate.

O duelo foi a luta principal do UFC FIght Night realizado em Adelaide, na Austrália, no último sábado. #4 do ranking dos pesados, Miocic conquistou a sua décima terceira vitória em 15 lutas na carreira.

Ele volta a vencer, já que havia sido derrotado por Junior “Cigano” dos Santos, em dezembro de 2014. Antes do revés diante de Cigano, Miocic vinha de uma sequência de três vitórias seguidas, contra adversários de nome, como Fábio Maldonado, Gabriel “Napão” Gonzaga e Roy Nelson. O veterano Mark Hunt, que recentemente completou 41 anos, é o #5 do ranking dos pesados no UFC.

O neozelandês foi derrotado pela décima vez em 21 lutas na carreira. É a segunda derrota seguida do experiente lutador, que havia sido superado por Fabrício Werdum, na disputa pelo cinturão interino dos pesados, em novembro do ano passado.

No Co-Main Event da noite, Roberto Whittaker derrotou Brad Tavares com um fulminante nocaute, ainda no começo do primeiro round. Outra luta do Card Principal que também terminou em um nocaute relâmpago foi o duelo entre Sean O’Connel e Anthony Perosh.

Melhor para Sean, que nocauteou Anthony em apenas 56 segundos. Na abertura do card principal, James Vick venceu Jake Matthews com uma finalização no final do primeiro assalto.

lutadores-ufc

Stipe Miocic dominou Mark Hunt e venceu com tranquilidade na Austrália. (Foto: Zuffa LLC/Getty Images)

Stipe Miocic dá uma surra em Mark Hunt
Votar