O brasileiro Thomas Almeida abriu em grande estilo o Main Card do UFC 186, disputado na madrugada do último sábado, em Montreal, Canadá. Com um nocaute espetacular no final do primeiro round, o brasileiro atropelou o haitiano Yves Jabouin, mantendo-se invicto na carreira. Até aqui, foram 18 vitórias em 18 lutas do brasileiro de apenas 23 anos. Por outro lado, o haitiano Jabouin foi derrotado pela décima vez em 30 duelos.

Apesar do nocaute avassalador, o começo da luta não foi dos sonhos para Thomas, já que o brasileiro foi derrubado por Jabouin logo no início. Apesar de conseguir derrubar o brasileiro, o haitiano não aproveitou a vantagem de ficar por cima e logo permitiu que o brasileiro se levantasse. Crescendo em confiança com o andar da luta, Thomas desferiu boas sequências no haitiano, que estava preocupado em se defender. Em uma dessas sequências, o brasileiro encurralou o haitiano na grade e o agrediu até a intervenção do árbitro Yves Lavigne. Vitória do brasileiro, com um TKO aos 4m18s do primeiro assalto.

Extasiado com a vitória, Thomas comemorou mais um nocaute e a manutenção da série invicta. É a segunda vitória do jovem brasileiro no UFC.

– Estou muito empolgado. O Yves é muito duro. Estou muito feliz, estava preparado. É mais um nocaute para a minha carreira. – falou o brasileiro.
Para deixar o jovem paulista ainda mais empolgado, ele foi premiado com o prêmio de Nocaute da Noite. Pela façanha, Thomas foi presenteado com um bônus de U$ 50 mil pelo UFC.

lutadores-ufc

Com direito a um nocaute avassalador, Thomas Almeida atropelou o haitiano Yves Jabouin em Montreal.

Thomas Almeida nocauteia Yves Jabouin no primeiro round
Votar