O UFC decidiu fazer a limpa neste início de março. O Ultimate emitiu uma lista com atletas que foram dispensados da organização. São cinco nomes, entre eles o brasileiro Francimar Bodão, que vivia má fase recentemente. Além de Bodão, foram demitidos também Kailin Curran, Bobby Nash, Dmitry Poberezhets e Galore Bofando.

No UFC desde 2013, Francimar Bodão acumula números modestos lutando pela maior organização de MMA do mundo. O começo até que foi bom. Bodão venceu três dos primeiros quatro compromissos, sempre na decisão dos juízes. Desde então, porém, ele conseguiu apenas uma vitória em cinco lutas. Suas últimas duas lutas pelo UFC foram derrotas. Primeiro para Aleksandar Rakic e em janeiro deste ano perdeu na decisão dividida para o americano Gian Villante.

Dos outros quatro lutadores dispensados pelo UFC, dois deles também acumulam números decepcionantes. Bobby Nash perdeu as três lutas que fez, enquanto Kailin Curran venceu apenas uma de suas sete lutas pelo Ultimate. As surpresas ficaram por conta das demissões de Charlie Ward, que venceu por nocaute em sua primeira luta e depois foi nocauteado na segunda e Dmitry Poberezhets, que sequer chegou a estrear pelo UFC, por conta de seguidas lesões.

Mostre quanto sabe sobre UFC e receba 100% em bônus!

UFC demite Bodão e mais quatro
Votar